Gestão

Margem de lucro: você sabe qual é o da sua empresa?

dezembro 18, 2018

Qual a margem de lucro da sua empresa? Por incrível que pareça, muitos empreendedores não têm a resposta para essa pergunta. Se esse for o seu caso, pode ser que seu negócio esteja estagnado ou até mesmo dando prejuízo.

Além disso, alguns empresários, desejando ganhar vantagem competitiva, reduzem os preços dos produtos, mas sem conhecer a margem de lucro, comprometem o crescimento da empresa.

Por isso, escrevemos este post, para mostrar como calcular essa métrica e como usá-la nas suas decisões estratégicas. Acompanhe!

O que é margem de lucro?

A margem de lucro é o valor percentual que informa quanto a empresa tem de retorno sobre suas vendas. Então, a base para isso é a diferença entre a receita total e o lucro obtido na venda de um produto.

É importante destacar que há uma diferença entre os conceitos de lucro e margem, pois na prática o primeiro é a diferença entre o valor total da venda e o custo do produto. Para a margem, usamos o lucro para obter o valor percentual.

Essa margem de lucro em papelarias pode variar bastante de produto para produto. Cadernos e folhas A4, por exemplo, geralmente são os itens que mais saem e têm margem menor, girando em torno do 30%. Eles são o carro-chefe do negócio, uma vez que são altamente suscetíveis à comparação.

Já produtos premium, mais sofisticados, chegam a ter margem de lucro de 100%, uma vez que se baseiam no diferencial. Então, vamos à prática do cálculo?

Como fazer esse cálculo?

Para obtermos a margem de lucro basta seguir esta fórmula bem simples: dividir o lucro pela receita total e multiplicar o resultado por 100.

Veja só um exemplo: uma papelaria comprou 20 unidades de cola branca de 1kg por R$ 8 cada, somando R$ 160,00 de investimento. A loja revende para o consumidor final por R$ R$ 15. Primeiro vamos calcular o lucro:

  • 20 x R$ 15,00 = R$ 300,00
  • R$ 300,00 – R$ 160,00 = R$ 140,00

Para chegarmos à margem de lucro, basta dividirmos o lucro de R$ 140,00 pela receita total e multiplicarmos por 100:

  • R$140,00 / R$ 300,00 = 0,46 x 100 = 46%

Assim, descobrimos que a papelaria obtém uma margem de lucro de 46% sobre a venda das garrafas de cola branca. Aqui fica nítida a diferença entre margem de lucro e lucro, pois uma margem alta não significa que o empreendedor conseguirá um bom lucro.

Para ter lucro, basta vender um grande volume, mesmo que a margem seja baixa.

Margem de lucro bruta vs. margem de lucro líquida

O cálculo que você aprendeu acima é a margem de lucro bruta, pois ela leva em conta apenas o lucro sobre o valor de aquisição com o fornecedor.

A margem de lucro líquida considera outros custos operacionais e administrativos na papelaria, como:

  • impostos;
  • aluguel da loja;
  • contas de energia, água, telefone, internet etc.;
  • mão de obra.

Para esse cálculo, usaremos como base o valor total das vendas e subtrairemos por todos os custos operacionais. A partir daí, a conta é a mesma. Mas qual a função prática de todas essas contas?

Por que é tão importante definir a margem de lucro da sua papelaria?

Primeiro, saber definir a margem de lucro é fundamental para o processo de precificação. Dessa forma, será possível saber como o capital investido retornará.

Em segundo lugar, o empreendedor terá métricas claras para entender como anda a saúde do seu negócio. No mercado, cada setor tem uma margem de lucro média. Se a sua margem está muito abaixo do normal, é um indício de que você precisa fazer mudanças.

A margem de lucro é uma métrica fundamental para o empresário. Mas é bom destacar que, para uma análise mais completa, você precisa levar em conta outros indicadores, como volume de vendas, receita total e rentabilidade. São dados indispensáveis para criar as melhores estratégias.

Gostou das nossas dicas? Então, nos siga nas redes sociais e fique por dentro das novidades: Facebook, Instagram e LinkedIn.

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply