Gestão

Custo-benefício: como agregar valor aos produtos da sua papelaria?

junho 6, 2019

Para quem está no setor de papelaria, já não é mais novidade quem nem só de sazonalidades, como a volta às aulas, vive um estabelecimento de sucesso. É preciso investir em um mix de produtos que gere vendas o ano inteiro, atraindo clientes por uma série de fatores, por exemplo, o custo-benefício dos artigos que você vende.

Nesse contexto, saber como agregar valor aos seus produtos é de extrema importância para manter uma boa imagem da sua papelaria e, consequentemente, uma clientela fiel e ativa o ano inteiro. Para isso, é necessário lançar mão de diversos recursos, estratégias e, em especial, de muita inovação.

Se você está buscando reinventar a papelaria para acompanhar a tendência do varejo, então, encontrou o post certo. Aqui, mostraremos a você como agregar valor aos seus produtos, investindo em mais qualidade e maior custo-benefício para seus clientes. Por isso, continue a leitura e veja o que fazer para lucrar muito mais!

Aposte em uma equipe de pré-venda

Como já foi mencionado, nem só de volta às aulas vive uma papelaria. Se pararmos para pensar, os escritórios consomem muito mais materiais o ano inteiro. Por isso, no melhor estilo B2B (business to business), invista em pré-venda.

Eduque os compradores das empresas para a necessidade de bons materiais de escritório, sobre a utilidade deles no dia a dia e na produtividade das equipes e, sim, invista em pré-vendedores que entrem em contato com essas pessoas para entenderem melhor as suas necessidades e oferecerem as soluções disponíveis na sua empresa.

Dê atenção ao custo-benefício para seus clientes

A economia instável do nosso país não nos permite gastar além do orçamento, por isso, seja no material de escritório, seja no material escolar, é muito importante manter um custo-benefício compatível com o poder de compra e a necessidade dos seus clientes.

Uma boa estratégia é investir em um mix de produtos de consumo diário de boa qualidade, mas que possa ser vendido por preços mais baixos, combinados com produtos mais supérfluos, tipo presentes, com uma margem de lucro maior.

Invista na valorização da sua marca

Uma marca valorizada transmite, acima de tudo, credibilidade. E isso pode ser transformado em custo-benefício para os clientes, já que muitos preferem pagar mais caro em um estabelecimento de confiança a pechinchar em empresas que não darão o menor suporte ou garantia, por exemplo, no caso de produtos defeituosos.

Quando falamos sobre a valorização da marca, não estamos citando somente fazer com que a identidade visual e o logotipo da sua empresa se tornem conhecidos, mas sim, associá-la a produtos de qualidade, bom atendimento, preços convidativos, preocupação e respeito com o cliente etc.

Não abra mão da qualidade

Por mais que se fale que preços baixos atraem o público, a verdade é que, o que, de fato, conquista clientes é o custo-benefício. Por isso, em hipótese alguma, abra mão da qualidade do seu mix de produtos.

Busque sempre oferecer aos seus clientes aquilo que fará jus ao preço que eles estão pagando pela mercadoria que estão levando. De nada adianta, por exemplo, vender uma caneta superbarata, mas que, na segunda ou terceira utilização, pare de funcionar.

Esse tipo de situação só fará com que o cliente forme uma impressão negativa da sua papelaria. Mais uma vez, vale reforçar que mais importante que o preço é o custo-benefício de um produto.

Gere valor agregado para os serviços

A prestação de serviços também é de grande valor em uma papelaria. Se você não consegue pensar em como isso é possível, imagine só você, como pai ou mãe que trabalha fora, tendo que encapar e etiquetar todos os livros, cadernos e demais materiais de seus filhos na volta às aulas. Imaginou?

Agora pense: se você fizesse orçamento em diversas papelarias para a compra do material, e uma delas oferecesse a você a vantagem de entregar todos os livros e cadernos já encapados e etiquetados com as informações do aluno personalizadas, essa papelaria precisaria ter os preços mais baixos para conseguir “fisgá-lo” como cliente?

Outros tipos de serviços, como embalamento de presentes, oferecimento de cursos de pintura ou de artesanato, entre outros, também são ótimos atrativos e diferenciais competitivos que podem fazer com que a escolha do seu cliente seja pela sua papelaria na hora de ele tomar uma decisão de compra.

No caso dos cursos, em especial, além de um modo de atrair clientes, a disponibilização ainda ajuda a promover produtos específicos e representa uma ótima forma de firmar parcerias com alguns dos fabricantes desses itens.

Priorize o relacionamento com o cliente

Tudo o que foi dito até aqui diz respeito a um assunto muito importante: o relacionamento com o cliente. Ele é o grande responsável pela fidelização da sua clientela, que, por sua vez, acaba indicando novos compradores.

Por isso, invista em um cadastro que permita a você encantar seus clientes, por exemplo, oferecendo descontos no mês de aniversário deles, enviando cartões de Natal e ano novo, divulgando promoções e novos produtos, entre outras medidas, porém, sem tornar essa comunicação algo intrusivo e, sim, útil e agradável ao cliente.

Mas não se limite apenas a esse relacionamento mais impessoal — busque conversar com seus clientes quando estiverem em seu estabelecimento, conheça cada um deles pelo nome e entenda suas necessidades e anseios, pois essa é e sempre será a melhor forma de mantê-los fiéis.

Mantenha o custo-benefício sem abrir mão do seu lucro

Por fim, mas não menos importante, vamos voltar a falar do custo-benefício, porém, sob outra ótica: a do seu lucro. De nada adianta oferecer bons produtos, de alta qualidade, por um preço muito baixo para atrair clientes e não obter nenhum lucro com eles.

O fato é que é necessário agregar valor aos seus produtos para que os clientes entendam que vale a pena pagar o preço justo por eles. Desse modo, o segredo está na escolha do seu mix. Você pode, por exemplo, ter alguns produtos com uma margem menor, mas que sirvam de atrativos para que o cliente compre outros, complementares, com uma margem maior.

Agora que você já sabe o quanto é importante oferecer um bom mix de produtos, capaz de fazer com que seu cliente reconheça o custo-benefício deles, que tal entrar em contato conosco para que possamos ajudá-lo nessa missão?

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply